sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Entrega (ou Enquanto Espero)


Quero você perto de mim, em cada instante, momento, segundo.
            Quero te acalmar depois do pesadelo, e rir d'um sonho absurdo.
               Quero satisfazer os seus desejos, pedidos, vontades, anseios profundos.
                                           Quero assistir à minha vida, sua vida, nossa vida, tudo junto.


Serei sua todos os dias, me renderei aos seus encantos,
                                        lhe entregarei todos meus cantos.

           Passarei por teus caminhos, andarei todos seus passos,
                                                                 amarei em seus abraços.
   
                           Lhe cobrirei com meu manto de paixão bem resolvida, 
                                                                         despida de qualquer pranto

                               Estarei em sua cama, nossa cama, nossos corpos colados,
                                                                                                                   e cansaço.                                                                                                                      

Postar um comentário